Saraiva analisa pedido de falência feito por terceiro e as providências que serão adotadas

Websoul, empresa de tecnologia credora da Saraiva, alega que tenta cobrar uma dívida de R$ 241,4 mil; foi solicitado o bloqueio de valores em conta bancária e localizados apenas R$ 50

A Saraiva, em recuperação judicial, comunicou ao mercado que tomou conhecimento de que foi protocolizado, por terceiro, no último dia 27 de abril, o pedido de falência contra a companhia e está analisando o pedido e as providências que serão adotadas a respeito.

“A companhia ressalta, por oportuno, que o pedido foi apresentado fora do processo de recuperação judicial da companhia, ou seja, de forma autônoma, e não tem relação com o referido processo ou com o adimplemento do plano de recuperação judicial, o qual vem sendo devidamente cumprido pela Saraiva”, diz, em comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

O Valor reportou na sexta-feira (28) que a Websoul, empresa de tecnologia credora da Saraiva, apresentou pedido de falência da rede de livrarias. A credora alega que tenta cobrar uma dívida de R$ 241,4 mil. Foi solicitado o bloqueio de valores em conta bancária e localizados apenas R$ 50.

Fonte: Valor Econômico

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *