Single Post

Home / Single Post

Quais as 20 maiores recuperações judiciais do Brasil?

No pedido de recuperação judicial, a Americanas aponta R$ 43 bilhões em créditos

O pedido de recuperação judicial da Americanas foi aprovado na tarde desta quinta-feira (19). No requerimento, a varejista aponta o valor da causa de R$ 43 bilhões — este seria o total dos créditos sujeitos ao procedimento.

Embora a companhia ainda não tenha apresentado a lista de credores com os valores efetivos e individualizados dos respectivos créditos, o mercado vê como certo que a recuperação judicial da Americanas deve entrar na lista das maiores recuperações judiciais do Brasil.

Segundo levantamento do escritório de advocacia Marcondes Machado Advogados, as 20 maiores recuperações judiciais do Brasil até agora são:

  1. Odebrecht – R$ 98,5 bi de passivo – pedido em 2019 – em andamento
  2. Oi – R$ 65,4 bi – 2016 – encerrada
  3. Samarco – R$ 50 bi – 2021 – em andamento
  4. Sete Brasil – R$ 19,3 bi – 2016 – em andamento
  5. OGX – R$ 12 bi – 2013 – encerrada
  6. OAS – R$ 11,15 bi – 2015 – encerrada
  7. Grupo João Santos – R$ 11 bi – 2022 – em andamento
  8. Ecovix – R$ 6 bi – 2016 – em andamento
  9. Schahin – R$ 5,85 bi – 2015 – convolada em falência
  10. PDG – R$ 5 bi – 2017 – encerrada
  11. OSX – R$ 4,57 bi – 2013 – encerrada
  12. Grupo Rede – R$ 4,1 bi – 2012 – encerrada
  13. Ricardo Eletro – R$ 4 bi – 2020 – em andamento
  14. UTC – R$ 3,4 bi – 2017 – em andamento
  15. Wind Power Energia – R$ 3,04 bi – 2014 – em andamento
  16. Renova – R$ 3 bi – 2019 – em andamento
  17. Tonon – R$ 2,8 bi – 2015 – convolada em falência
  18. Seara – R$ 2,7 bi – 2017 – em andamento
  19. Abengoa – R$ 2,66 bi – 2016 – em andamento
  20. Grupo Bom Jesus – R$ 2,6 bi – 2016 – em andamento

Fonte: Valor Econômico

Search

How can we help you?

Get in touch with us or find our office near you
CATEGORIES
SOCIAL SHARE
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Reddit
Telegram

Related Post